Cebrom Medicina Oncológica realiza com CPOC pesquisa voltada para Câncer de Pulmão e recruta voluntários.

0
183

Título do Estudo:

Estudo clínico de fase III, multicêntrico e aberto de avelumabe (MSB0010718C) em comparação ao tratamento duplo à base de platina como tratamento de primeira linha para câncer de pulmão de células não pequenas PD-L1+ de estágio IV ou recidivante.

Tipo de Câncer: Câncer de Pulmão de Células Não Pequenas

Objetivo do estudo: O objetivo primário é demonstrar superioridade em relação à sobrevida global (OS) ou à sobrevida livre de progressão (PFS) de avelumabe em comparação ao tratamento duplo à base de platina com base em uma avaliação por um Comitê de análise independente, de acordo com os Critérios de avaliação de resposta em tumores sólidos (RECIST) versão 1.1, em participantes com câncer de pulmão de células não pequenas (NSCLC) com tumores com expressão elevada de PD-L1+.

Principais Critérios de Elegibilidade

Critérios de inclusão:
Participantes do sexo masculino ou feminino ≥ 18 anos de idade com um ECOG PS de 0 a 1 no momento da inclusão no estudo clínico com disponibilidade de um bloco contendo tecido tumoral fixado em formalina e incluído em parafina ou 10 (preferencialmente 25) lâminas tumorais não coradas com PD-L1+, pelo menos uma lesão tumoral mensurável e com NSCLC metastático ou recidivante (estágio IV) histologicamente confirmado. Os participantes não podem ter recebido nenhum tratamento sistêmico para câncer de pulmão e devem ter uma expectativa de vida estimada em mais de 12 semanas.

COMO PARTICIPAR

Se você se enquadra nos critérios acima listados ou conhece alguém que pode participar da pesquisa, envie um e-mail para centrocebrom@gmail.com com seu nome, idade, telefone e horário para contato ou ligue para (62) 3265-0468 e procure por Emanuella.

 

IMPORTANTE: A seleção de voluntários para essa pesquisa já está aberta. Este estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética da Associação de Combate ao Câncer em Goiás. SAIBA MAIS SOBRE A PESQUISA BAIXANDO ESSE MATERIAL

Dra. Renata Paiva Queiroz
Pesquisadora Responsável

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui